Indicações para o enxerto gengival

Google BookmarksEmailCompartilhar/Favoritos

O enxerto gengival é utilizado para corrigir pequenos defeitos que aparecem nas gengivas dos pacientes. Ele pode ser colocado em pessoas que tem pouca gengiva e com dentes muito aparentes, ele aumenta a faixa gengival em áreas com pouca ou nenhuma gengiva inserida ou ajuda a reconstruir uma área da boca que sofreu com a retração gengival.

Para reduzir o efeito do problema, normalmente a opção mais utilizada pelos dentistas para o enxerto é retirar o material do palato (céu da boca) do próprio paciente. A retirada é feita com anestesia local e a pessoa não sente dor, somente um leve desconforto.

A grande exposição da gengiva que aparece de forma natural não tem causas definidas. Já a retração gengival acontece quando o tecido gengival deixa a raiz do dente exposta e a área fica sensível. A função do tecido saudável é formar um colar de proteção ao redor do dente. Existem dois tipos de gengiva, a inserida, que possui um tecido rosa, mais espesso, que circunda o dente e é aderido pelo tecido ósseo, e a mucosa (gengiva não inserida), um tecido fino, macio e com grande mobilidade que forma a parte interna das bochechas e dos lábios.

Para evitar as dores, o paciente utiliza a medicação (antiinflamatórios) antes e depois da cirurgia de inserção do enxerto gengival. Também é utilizado um tipo de “cimento cirúrgico”, que forma uma barreira de proteção, que é fixada no lugar em que a operação aconteceu. Ele fica colado nos dentes e na gengiva por cerca de cinco dias. A área doadora é suturada com pontos e essa proteção ajuda a manter sua estética e forma, mesmo após a remoção de um pequeno pedaço.

O principal cuidado após a cirurgia é alimentação. O paciente precisa comer da forma indicada pelo dentista com alimentos moles e frios nos primeiros dias para evitar problemas como sangramento e infecções que podem atrapalhar o efeito do medicamento e a cicatrização.

Consultoria: Clinica ImplArt – Estética dental e Implante dentário http://www.clinicaimplart.com.br

5 ideias sobre “Indicações para o enxerto gengival

  1. Regina

    Fiz a o Enxerto Gengival Livre 12/09 e hoje 16/09 é o dia em o palato está mais sensível. Incomoda muito, fora que só venho comendo sopa e alimentos pastosos. Ai tomara que de tudo certo com esse procedimento que fiz.

    Responder
  2. Elaine Quadros

    Eu fiz esta cirurgia faz uma semana, não senti dor alguma e para a proteção do céu da boca, foi me solicitado comprar um acrílico(tipo um aparelho movel) ajudou bastante.

    Responder
  3. Paulo Sérgio Pavanin

    Eu fiz dois enxertos … deu tudo certo … precisa seguir a risca o que os dentistas falam na recuperação … vale a pena que bem bonito.

    Responder
  4. marcelo souza da silva

    eu fiz a cirurgia de enxerto gengival…foi um sucesso…mais o dentista mandou eu voltar a trabalhar depois de 5 dias de atestado ai aarebentou um dos pontos porque o meu trabalho é pesado e agora o que faço????

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>