Arquivo da tag: zirconia

Prótese parcial fixa em zircônia

Google BookmarksEmailCompartilhar/Favoritos

A prótese parcial fixa é a restauração total ou parcial da coroa do dente quando se utiliza uma prótese fixa unitária ou é realizada uma substituição de um ou mais dentes perdidos. Ao ser fixada sobre os dentes, a ponte fixa ajuda o paciente a voltar a falar e a sorrir.

A zircônia é um material muito utilizado em pacientes que querem deixar seu sorriso em dia e mais bonito. Ele é compatível com qualquer tipo de prótese e por ser metal-free com características mecânicas superiores e resistência à flexão. Além disso, o material deixa o resultado final mais natural como se o paciente não tivesse passado por todo o procedimento.

A prótese parcial fixa é indicada para pacientes que não possuem uma boa estrutura dentária para receber os implantes. Para sua colocação é preciso fazer um desgaste parcial nos dentes ao lado para confeccionar uma prótese fixa de três dentes. O tempo médio de vida prótese é de cinco anos.

Para manter uma boa saúde dentária e prolongar a vida da prótese, os pacientes devem utilizar passadores de fio para limpeza dos espaços protéticos. Se a prótese não tiver um desenho que siga as linhas dos dentes pode haver má adaptação, que vai dificultar a limpeza no dia a dia. Tudo isso pode gerar a retenção de resíduos alimentares e até bactérias que causam inflamação gengival e mau hálito.

Prótese protocolo em zircônia

A prótese tipo protocolo Bränemark consiste na reabilitação total de pacientes que perderam seus dentes há muitos anos e que possuem sua parte óssea prejudicada. O tratamento de Bränemark é caracterizado em duas etapas,a cirúrgica e a protética, com intervalos de quatro a seis meses para mandíbula e maxila. Mas, atualmente com os avanços alcançados pela odontologia é possível realizar a implantação em 72 horas.

Para o tratamento a melhor opção é utilizar a zircônia nas estruturas que sustentam as próteses. O posicionamento dos implantes deve ser impecável, já que é fundamental para um bom resultado estético. Além disso, implantes mal posicionados podem trazer grandes frustrações. O procedimento com próteses totalmente em zircônia consiste no sistema Zirkonzahn, que utiliza o óxido de zircônio e a cerâmica de cobertura Ice de baixa fusão.

A maioria das infraestruturas utilizadas para a colocação de próteses é total ou parcial é feita com ligas metálicas, que fazem o papel de suporte mecânico e funcional. Mas, por causa de sua coloração, a estética pode ficar comprometida, especialmente em áreas mais aparentes e importantes para os pacientes. Por isso, as estruturas cerâmicas ganharam mais espaço por causa de sua biocompatibilidade, resistência e estabilidade.

O material mais indicado para atender aos desejos estéticos de cada paciente é a zircônia, que possui propriedades mecânicas, alta capacidade estética, radiopacidade e biocompatibilidade. Ela se apresenta como um material cerâmico com três formas definidas: monoclínica, tetragonial e cúbica.

Zircônia nas próteses protocolo Bränemark

A maioria dos pacientes que procuram dentistas especializados em Implantodontia quando estão buscando excelência para restaurar seu sorriso. Por isso, todos os materiais utilizados nesse procedimento são importantes e devem ser escolhidos com muita atenção para que o resultado atenda aos desejos do paciente.

A prótese tipo protocolo Bränemark consiste na reabilitação total de pacientes que perderam seus dentes há muitos anos e que possuem sua parte óssea prejudicada. O tratamento de Bränemark é caracterizado em duas etapas, cirúrgica e protética, com intervalos de quatro a seis meses para mandíbula e maxila. Mas, atualmente com os avanços alcançados pela odontologia é possível realizar a implantação em 72 horas.

Uma boa opção para é utilizar a zircônia nas estruturas que sustentam as próteses. O posicionamento dos implantes deve ser impecável, já que é fundamental para um bom resultado estético. Além disso, implantes mal posicionados podem trazer grandes frustrações.

A maioria das infraestruturas totais ou parciais é feita com ligas metálicas que fazem o papel de suporte mecânico e funcional. Mas, por causa de sua coloração, a estética pode ficar comprometida, especialmente em áreas mais aparentes e importantes para os pacientes. Por isso, as estruturas cerâmicas ganham espaço por causa de sua biocompatibilidade, resistência e estabilidade.

Entre os materiais mais indicados para atender aos desejos estéticos de cada pessoa está a zircônia, com propriedades mecânicas, alta capacidade estética, radiopacidade e biocompatibilidade. Ela se apresenta como um material cerâmico com três formas definidas: monoclínica, tetragonial e cúbica.

As novas Próteses sem Metal

Uma prótese fixa é uma peça que restaura totalmente um segmento de dentes à sua forma e cor naturais e são coladas em dentes naturais que têm um comprometimento mais severo ou quando existe a ausência de um dente natural. Consiste na utilização de dois dentes pilares que sustentam a prótese, e um dente suspenso no lugar do dente ausente. O desenvolvimento de novas porcelanas ultra-resistentes permite hoje que sejam feitos segmentos de próteses em porcelana pura com altíssima resistência.

O método tradicional de tratamento utiliza uma prótese metalocerâmica, que consiste de uma peça que tem um reforço interno de metal, sendo que a porcelana é aplicada a sua volta. Tem um custo menor do que uma coroa totalmente em cerâmica, mas sabe-se que com o tempo existe o risco de que uma retração gengival exponha a margem em metal, comprometendo a estética do trabalho. As Próteses Fixas em Porcelana são muito resistentes e duráveis mas pode haver necessidade de trocá-las em intervalos de alguns anos. Essa avaliação será feita pelo dentista na sua consulta periódica de check-up.Como alternativa para a utilização de uma Prótese Fixa Cerâmica, podemos utilizar Implantes Dentários. A utilização de implantes normalmente é melhor do que a utilização de próteses convencionais.  Consultoria: ImplArt http://www.twitter.com/implart